5 de jul de 2010

É um sentimento universalista, que nos conduz à maturidade espiritual.
Quem possui um sentimento pleno de gratidão por todas as coisas, torna-se
feliz, otimista e produz energias sutis, de padrão elevado.
Portanto, devemos exercitar a gratidão diariamente, percebendo que temos a
oportunidade de agradecer a todo o momento, pois a gratidão independe circunstância.
Não é preciso que alguém nos faça um favor ou nos dê um presente.
O sentimento de gratidão é muito mais amplo e possui uma energia transformadora.


Que tal acordar e agradecer por mais um dia,pela saúde,pela família,pelo emprego que temos,pela nossa casa(tantos não têm um lar),enfim por tudo que eu temos.
Cada vez que agradecemos por algo,criamos uma energia muito positiva ao nosso redor, pois para cada sentimento,emitimos uma energia sentimental.Nos transformamos em fonte geradora do bem.
Todos os que de nós se aproximam podem sentir de pronto a aura de bondade que nos circunda.


Vamos pensar em uma situação corriqueira:
você está indo para o trabalho de carro e tem que enfrentar o maior trânsito.
Fica irritado e começa a reclamar de tudo...Nesse momento,que tipo de energia você está produzindo?
Certamente que será a de pior qualidade possível.Mal estar,desorganização da função digestiva,cefaléia tensional que gerará dores de cabeça e contraturas musculares, podemos atrair um acidente, arrumar uma discussão de trânsito que pode ter graves conseqüências, etc...


Gratidão gera gratidão, revolta gera revolta.Então, pense nas outras coisas que você poderia fazer enquanto está parado no trânsito:
ouvir uma música, relaxar, agradecer a Deus por ter um emprego bom, estar dirigindo seu próprio carro, estar com saúde e se sentindo muito bem, com paz de espírito. Afinal de contas quantos não têm essas coisas boas.


Pois é exatamente nas situações de adversidade que devemos praticar a gratidão.

Nenhum comentário: